Os melhores meses para casar

Um guia com as vantagens de cada mês

Organizar o casamento é uma tarefa deliciosa, mas escolher a data do grande dia não é tão simples. Fatores que variam de acordo com os meses, como as flores da estação, incidência de chuvas, clima e estação do ano, disponibilidade de buffets e igrejas contam na hora de bater o martelo para a tão sonhada celebração.

Pensando nisso, reunimos em um guia as vantagens de se realizar o casamento no Brasil a cada mês do ano. Confira:

Janeiro

O primeiro mês do ano é o menos procurado para festas de casamento, então é mais fácil de achar espaço e igreja com datas disponíveis – e grande parte dos fornecedores oferecem margens mais atrativas de negociação. Porém, é preciso lembrar que esse é um mês de chuvas, portanto, as cerimônias ao ar livre precisam contar com um plano B. Ainda vale pensar que muitos convidados estarão viajando por conta das férias escolares.

Fevereiro

Ainda não é um mês disputado,  mas os noivos devem estar atentos ao período do Carnaval e procurar distanciar a data do casamento uma ou duas semanas deste feriado, para evitar ausência dos convidados e também pacotes de viagens de lua de mel com preços altos por conta da temporada.

Março

Se você sonha com uma decoração cheia de orquídeas, esse é o mês perfeito, pois elas estão lindas e com custo mais baixo. Além disso, o calor começa a dar uma trégua, mas é importante se prevenir das águas de março, e pensar em coberturas para festas ao ar livre.

Abril

Esse é um ótimo mês para casamento, pois não faz muito calor, nem muito frio. Abril tem sido muito procurado pelas noivas justamente por ter uma temperatura equilibrada e com menos chuva. No entanto, por ser próximo a maio, o preço das flores começa a subir, assim como o valor dos serviços.

Maio

Apesar de por muito tempo ter sido considerado o mês oficial das noivas, maio já não é mais tão concorrido. O clima do período é bom, porém em função do dia das mães e aproximação do dia dos namorados, as flores sofrem uma alta considerável, então avalie com cautela o impacto em seu orçamento geral.

Junho

É o mês ideal para quem quer as famosas tulipas na decoração e no buquê. O friozinho começa a chegar, dando um ar mais romântico à cerimônia. A festividade já deve ser celebrada em locais fechados, já que uma das desvantagens desse mês é que a temperatura pode cair mais durante a noite.

Julho

Para este mês contamos com dois inconvenientes, férias e frio. Mas se estes fatores não pesam na decisão de vocês, a boa notícia é que será um excelente mês para negociações. Além das tulipas, hortênsias e copos de leite são as flores da vez.

Agosto

Por conta das superstições, poucas noivas escolhem esse mês. Então se você não é supersticiosa é a hora de aproveitar, pois alguns serviços ficam com bastante disponibilidade de datas. O copo de leite está mais lindo do que nunca e a íris permanecerá por pouquíssimo tempo.

Setembro

Atualmente, é o mês mais procurado – ele anuncia a primavera e traz o colorido das flores. Portanto, se o plano é casar em setembro, é preciso correr, pois este é o primeiro mês a ser preenchido nas agendas dos fornecedores. A baixa temporada de praia é ideal para os destination weddings os pés na areia, pois hotéis e resorts ficam com valores mais em conta.

Outubro

No auge da primavera, frésias e lírios estão lindos. O clima está mais quentinho e sem risco de chuvas frequentes, ou seja, ótimo para festas e cerimônias ao ar livre. Sendo um dos preferidos, a regra básica prevalece: preços mais altos.

Novembro

Para os casais que curtem o ar mais provençal, esse é o mês das lavandas. O horário de verão também pode ser uma vantagem, proporcionando pôr do sol durante a celebração à noite. As desvantagens: as chuvas voltam, assim como o calor. Os preços para a lua de mel disparam com a proximidade das férias e da alta temporada do fim do ano.

Dezembro

Com o final de ano, o clima de festas está no ar, e iniciar o novo ano juntos será muito especial. As duas primeiras quinzenas são bem procuradas por causa do décimo terceiro salário, que ajuda a equilibrar as contas. Vale levar em conta as altas temperaturas, férias e preparativos para as festas de confraternização e final de ano, além de retornarmos para o período de alta temporada, e os pacotes de lua de mel sofrerem alta.

Veja também:

Decoração de casamento no estilo receber em casa

Como escolher o bolo de casamento perfeito

Maneiras diferentes de servir macaron no casamento

Ideias de embalagens para o bem-casado

Artigos Relacionados

Comentários