5 dicas para escolher o fotógrafo do casamento

Dicas certeiras para você escolher o fotógrafo do seu casamento

Quando decidi me casar, o fotógrafo foi um dos primeiros profissionais que escolhi. Primeiro pela data e segundo pela empatia.

Imaginem quantas fotos de casamento eu vejo por dia e quantos profissionais eu admiro… Confesso que não foi uma tarefa tão simples chegar ao meu “eleito”.

Para ajudar você nessa tarefa, vou listar cinco dicas que serviram pra mim na escolha do profissional, que a meu ver, é um dos mais importantes já que ele será o responsável por registrar cada momento desse dia único.

Escolha o fotógrafo de acordo com seu estilo
Se você é uma noiva clássica, cuja cerimônia será na igreja, não deve contratar um fotógrafo que só realiza fotos em praia, campo e vice versa. A luz, o cenário, o ambiente são diferentes e o resultado pode não ser o que você espera. Avalie os álbuns que ele fez, suas redes sociais e peça referências!

Defina o orçamento
Há fotógrafos de todos os preços no mercado. Claro que os bons e mais conhecidos, em geral, são mais caros. Mas por quê? Além da vasta experiência, há o custo da equipe, equipamentos de ultima geração, horas de edição e etc.

Sinta afinidade
É fundamental você amar a pessoa logo de cara! Sabe aquele clichê “o nosso santo bateu”? É bem por aí… Este profissional estará te acompanhando o dia inteiro, desde a hora de se arrumar até o fim da festa. Verá você de bobs no cabelo, aguentará sua ansiedade, nervosismo, tudo. Escolha uma pessoa que você se sinta à vontade.

Perceba o olhar do fotógrafo
Há no mercado empresas especializadas em fotografia, onde trabalham um monte de fotógrafos, em geral recém formados de cursos. Quando você vê um álbum da empresa, está vendo, na verdade, uma edição das melhores fotos, dos melhores fotógrafos, porém será que esses mesmos profissionais estarão com você? Minha dica é: contrate um fotógrafo e não uma empresa. É a tal da afinidade…

Verifique o contrato
Você quer que o fotógrafo fique até o fim da festa? Saiba que a minoria fica, portanto as cláusulas do contrato lhe assegurarão das suas escolhas. Itens importantes que não podem faltar: nome do(s) profissional (is) contratado(s), nome de quem irá substituí-lo em caso de imprevistos, número de fotógrafos e assistentes, horários e locais, equipamentos usados, valores, se inclui o álbum ou não, tratamento das fotos, quantidade entregue, prazo de entrega. São muitos detalhes, mas que sempre lhe darão segurança em caso de falhas.

Todos esses detalhes me fizeram escolher o fotógrafo Danilo Máximo. Com um casamento por dia, sei que serei sua noiva exclusiva! Eu e meu noivo somos fãs do trabalho dele, e a nossa intimidade conquistada a cada papo o ajudará a captar os melhores cliques!

Foto: Brides.com

Veja também

DIY: Noivinhos na rolha de espumante

Vestido de noiva: as tendências da alta-costura

Como escolher a assessoria do casamento

Como calcular a quantidade ideal de doces do casamento

O que servir no chá de panela

Artigos Relacionados

Comentários