Save the date no site de casamento: como funciona?

O Save the Date no site de casamento contém informações úteis aos convidados e ajuda a diminuir o número de faltantes no grande dia.

O Save the Date no site de casamento contém informações úteis aos convidados e ajuda a diminuir o número de faltantes no grande dia.

Save the date no site de casamento

Você e seu amor já decidiram subir ao altar e não veem a hora de avisar pra todo mundo sobre o grande dia? Primordialmente, o save the date pode ser uma boa ferramenta para avisar a todos sobre a data escolhida com antecedência, para que todos possam se programar com tranquilidade. Enviado alguns meses antes do convite oficial, este ajuda a diminuir o número de convidados faltantes.

Quer saber mais? Confira todas as nossas dicas!

banner site de casamento

Principais dúvidas sobre save de date no site de casamento

Quanto tempo antes do casamento o envio deve ser feito?

Em primeiro lugar, o tempo de envio pode variar conforme o local onde o casamento será celebrado. Se for um casamento na mesma cidade, pode ser enviado seis meses antes. Entretanto, se for um destination wedding, esse tempo pode aumentar para um ano, já que os convidados precisarão se organizar.

Como fazer um save the date de casamento?

De antemão, é interessante que os noivos contratem a mesma empresa que fará os convites para criar o save the date. Assim, todos os itens terão uma identidade visual única e que tenha a cara do casamento e do casal. No entanto, caso os noivos tenham um orçamento mais apertado, eles poderão usar algumas ferramentas disponíveis online.

O que escrever?

Definitivamente, o save the date deve ser bastante conciso e trazer informações bem objetivas, uma vez que seu objetivo é informar aos convidados sobre a data do casamento. Portanto, vale colocar o nome do casal, o local do casamento (ou pelo menos a cidade onde será realizado) e a data da festa. Caso queiram, os noivos podem incluir alguma frase ou letra de música.
Ainda, alguns casais gostam de colocar uma frase criativa ou fazer alguma brincadeirinha – isso tudo vai depender da personalidade dos noivos.

Como enviar?

Atualmente – especialmente após a pandemia-, ficou cada vez mais comum enviar o save the date no formato online. Assim, é muito comum os noivos enviarem por e-mail e WhatsApp.

Formatos: físico ou online?

Sobretudo, na hora de escolher o melhor modelo, o ideal é analisar o perfil dos noivos e dos convidados que vão receber essa informação, segundo Taís França, artesã da Aquele Segundo. Já Roberta Colás, CEO da Galliari Design, acredita que o virtual está muito em alta pela praticidade de envio e por ser online, com a possibilidade ter o link clicável direcionando para o site dos noivos.

save the date online
Após pandemia, noivos têm preferido save the date online. Crédito: Galliari Design

“Acima de tudo, está muito em alta o digital (seja em formato de imagem, de pdf com links interativos ou vídeo), uma vez que ele é prático, e fácil de ser entregue pelas redes sociais. Para os familiares e amigos mais próximos costuma ser algo mais efetivo alguma lembrancinha ou mimo ressaltando a data”, sugere Taís. 

O save the date online dispensa o formato físico?

Segundo Roberta, hoje em dia, 90% dos noivos têm utilizado o virtual, por conta da praticidade mesmo. Entretanto, vale lembrar que o save the date costuma não substituir o convite físico formal.

“Essencialmente, é uma data de muita importância na vida do casal, e a entrega formal de um convite ainda é o caminho mais comum e afetivo para garantir a presença do convidado. Mas, nos últimos anos, por conta da pandemia, esse cenário mudou. Consequentemente, muitos noivos optaram sim pelo formato digital tanto para o save the date quanto para o convite. O digital une flexibilidade de edição, custo baixo e a distribuição e entrega bem prática – o que para o momento foi essencial. Nesses casos, o apoio a maiores informações se dá pelo site dos noivos” afirma Taís.

Como fazer save the date animado?

Será que vale a pena investir no formato animado? Se o perfil de convidados é ligado no mundo digital, a resposta é sim!

“Sobretudo, há uma grande parcela de pessoas que já estão acostumadas e preferem as interações em formato digital. Nós aqui só fazemos convites interativos em pdf, mais por conta do estilo dos casamentos que costumamos atender. Nosso foco são casamentos mais ao ar livre, diurnos e intimistas, então muita tecnologia e distância não combina muito com a ideia do casamento na natureza e intimista. Mas para casamentos noturnos e urbanos é uma ótima ideia”, comenta Taís.

banner estilos de site para montar o seu

O que não pode faltar em um save the date?

De acordo com Taís e Roberta, as seguintes informações devem constar em um save the date:

modelo de save the date
Save the date deve trazer informações básicas sobre o casamento. Crédito: Aquele Segundo
  • Nome do casal;
  • Data do casamento;
  • Local da festa. “Se houver necessidade de deslocamento por parte do convidado ele já se programa melhor. Mesmo que o local do casamento não esteja definido, vale indicar a cidade/estado onde ele irá acontecer”, indica Taís.

Integração save the date e site dos noivos

Na opinião de Roberta e Taís, o save the date deve conter o endereço do site dos noivos.

“Acima de tudo, algo que acho essencial já colocar, assim os convidados já ficam a par de algumas informações do casamento”, recomenda Roberta.

Taís complementa: “Uma dica bem legal é criar o site do casamento e já colocar o endereço do site no save the date, assim os noivos vão atualizando os convidados pelo site”.

Quando enviar o save the date?

Antes de mais nada, a indicação de Taís e Roberta é enviá-lo entre um ano e seis meses antes do casamento. Primordialmente, esta decisão vai depender de onde será realizado o casamento.

mãos da noiva com anel de noivado
Tempo de envio vai variar conforme a localização do casamento. Crédito: Freepik

“Inicialmente, costumamos indicar em torno de 6 meses para casamento que irá acontecer na região próxima aos noivos e convidados. No entanto, esse tempo de antecedência pode ser de até um ano antes, em caso de destination wedding ou se os convidados precisarão viajar para chegar a cerimônia.  Mesmo sem a lista de convidados fechada, os noivos precisam avaliar se há necessidade de longos deslocamentos”, destaca Taís.

Por outro lado, há também a variável se é uma data no meio da semana, em um feriado ou próxima a uma data comemorativa.

“Nestes casos, se não houver um o aviso prévio, pode atrapalhar a questão da presença desses convidados”, alerta Taís. 

Como escolher a identidade visual do save the date?

Primordialmente, a identidade visual de todo o evento deve ser pensada em conjunto, como um todo, uma narrativa que leva a uma conclusão e vai muito além de estética.

identidade visual do casamento
Save the date deve seguir identidade visual do evento. Crédito: Freepik

Roberta conta que costuma trabalhar de forma conjunta com toda a identidade visual do casamento, em um projeto que define a paleta de cores, monograma, ilustração e tipografia da festa.

“Em seguida, essa identidade será aplicada em todos os itens da papelaria, desde do save the date, convite, menu, kit toalete, lembrancinhas. Por isso, é muito importante seguir a mesma linha da identidade visual, assim os convidados já vão entrando no clima e entendendo como será o casamento”, defende.

Sobre a Lejour

Primeiramente, a Lejour é uma plataforma gratuita que ajuda a planejar e organizar seu casamento em todas as etapas. Nesse sentido, criamos um jeito simples e moderno de fazer o site de casamento e lista de casamento.

banner monte lista em dinheiro

Veja também:

Lista de presente virtual | Dicas para fazer a sua e render bons presentes

Top 17 presentes de lista de casamento | Saiba quais são indispensáveis

Confirmação de presença no casamento | Forma rápida e prática de fazer

Share:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Leia mais

Posts Relacionados